top of page

Venda de packs acelera leilão e garante liquidez em pista



O modelo de venda em packs lançado pela Rincon del Sarandy neste outono acelerou a comercialização de fêmeas e limpou a pista em apenas quatro marteladas. O conceito que agrupa lotes similares em packs agradou compradores e o criador Ignacio Tellechea, que, ao lado do irmão Martin Tellechea e da mãe Claudia Indarte, comanda a Rincon del Sarandy, de Uruguaiana (RS). Ao todo, a propriedade movimentou R$ 678,15 mil com a venda de 98 animais no Rincon Pack, remate comandado pelo leiloeiro Fábio Crespo e as equipes da Parceria Leilões e Programa Leilões na noite desta segunda-feira (17/4). “As fêmeas voaram. Foi um leilão repleto de vantagens para o comprador, com gado de excelente qualidade e em quantidade para dar um upgrade no rebanho de qualquer propriedade. A venda em pack foi sensacional porque deu uma dinâmica diferente”, frisou Ignacio Tellechea.


As médias do leilão fecharam em R$ 5.800,00 para as fêmeas Angus AD e em R$ 9.390,00 para os machos Angus. Na raça Brangus, os valores ficaram em R$ 6.793,55 nas fêmeas 38B e em 8.505,88 nos machos. Os touros Ultraback saíram por R$ 8.300,00. “Os clientes conseguiram comprar uma excelente genética a preços extremamente competitivos, reprodutores que talvez não sejam encontrados na primavera”, salientou Crespo.


O reprodutor mais valorizado do leilão foi o touro Brangus do lote 25, Rincon 2170 Soberbo Del Sarandy. O animal foi arrematado por R$ 12.450,00 pela Verdes Campos Sul Investimentos Ltda, de Renê Percy Frantz, de Viamão (RS).

13 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page